• Segunda - Sexta 8:00 - 20:00
  • Ligue: (31) 98448-9303

Ingestão de água: sua saúde agradece

A água é um elemento fundamental para o bom funcionamento do corpo. Ela é responsável pela regulação da temperatura, pelo transporte de nutrientes no corpo e diversas outras funções corporais. Consumir quantidade adequada de água é uma rotina recomendada para as pessoas em todas as idades.

O que desperta dúvida em muita gente que resolve adquirir esse habito é justamente qual quantidade certa de água que devemos beber diariamente. A resposta para essa pergunta é praticamente individual, pois varia muito de pessoa para pessoa. Porém, existem certas observações que podem nos ajudar a entender melhor a nossa quantidade exata.

A primeira delas é o nível de atividades físicas que praticamos diariamente. Quem faz muitos exercícios pesados, que cobram mais esforço físico, necessitam de repor mais o líquido do que quem simplesmente tem o habito de fazer exercícios leves. Por exemplo, uma pessoa que tem o costume de correr todos os dias tem uma maior necessidade de repor a água eliminada no processo do que aquela que faz somente uma caminhada leve.

Outro fator interessante de se analisar é o nosso metabolismo. Se você possui um metabolismo mais acelerado, seu corpo naturalmente vai necessitar de uma quantidade maior de água do que o de quem possui um mais lento.  A dieta que adotamos também é um fator que influencia na quantidade de água que nosso corpo necessita.

Quem consome uma quantidade maior de sal no seu dia-a-dia precisa, por exemplo, de beber água do que quem consome uma quantidade maior de frutas e verduras, que já são ricas na substância. O peso também é um fator que deve ser levado em conta. Um adulto que pesa 70kg precisa em média de 2,1 litros de água por dia, enquanto que um adulto de 50kg necessita de uma quantidade um pouco menor, de 1,5 litro.

Além desses fatores, alguns outros também podem ser levados em consideração como, por exemplo, o clima. Cidades com o clima mais quente criam a necessidade de uma maior ingestão de água do que cidades com o clima mais frio, assim como períodos mais quentes do ano, como o verão ou a primavera em relação a climas mais frios, como o inverno e o outono. Um último fator a ser considerado quando o assunto é a quantidade de água consumida é o consumo de áalcol. O interessante nesse caso é alternar entre a ingestão de água e de áalcol nos momentos em que for fazer o consumo de bebidas alcoólicas.

Uma última dica especial é observar sempre sua rotina de urina. Se você urina poucas vezes ao dia e, ao urinar,  percebe que ela está com cheiro e a coloração muito fortes, isso pode ser um sinal de pouca ingestão de água. Por outro lado, se você estiver indo muito ao banheiro e sua urina estiver transparente, você pode estar consumindo água em excesso, o que também não é saudável. Tomar muita água pode causar a diluição do sangue e, em casos extremos, do sódio no organismo. Por isso, equilíbrio sempre.

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">HTML</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*